Os aposentos de Dom Bosco

*Gleuso Damasceno Duarte

Periferia de Turim, região de Valdocco, março de 1846. Perdida entre lotes vagos, ali está a casa Pinardi. Modesta, mal conservada, oferece apenas o mínimo necessário para a sobrevivência de uma família muito pobre.

Mas, para aquele jovem sacerdote, o Padre João Bosco, é o tesouro tão procurado. Ali ele vai morar até o fim de seus dias. Ali vai realizar o sonho de acolher, evangelizar e educar jovens pobres e abandonados, os moleques de rua que frequentam o Oratório de São Francisco de Sales.

Mas o sonho é ainda maior: é ali que Dom Bosco inicia a grande obra para a qual se sente chamado por Deus: a Família Salesiana, que se estenderá aos mais distantes recantos da Terra.

Texto de *Gleuso Damasceno Duarte


GDD*Bacharel licenciado em Filosofia. Professor de História. Mestre em Administração. Editor e autor de várias obras didáticas. Foi assistente e professor em escolas salesianas. Atuou no planejamento e implementação da Rede Salesiana de Escolas. Editor de Material Digital de Ensino Religioso da Edebê-Brasil.

Publicado por CSS (Comissão para a Comunicação Social-ISJB)


Veja também

Dom Bosco e os jovens Em  julho de 1846, Dom Bosco quase morreu, vitima por uma grave doença. Desenho de Nino Musio - Elledici         &...
Na vanguarda do progresso (I) “Nesses assuntos, Dom Bosco quer estar sempre na vanguarda do progresso”. Um programa de atuação no “continente digital” (1ª parte).   O vis...
Casa de Dom Bosco Nas imagens abaixo você vai conhecer as fotos da casa onde o santo da juventude cresceu. Atualmente, a casa de Dom Bosco é um memorial ao santo ond...
Na vanguarda do progresso (II) Um programa de atuação no “continente digital” (2ª parte) “Nesses assuntos, Dom Bosco quer estar sempre na vanguarda do progresso” Eventos marcantes...